COMPARTILHAR

O que é um Hackintosh? Isso mesmo, é um hack, uma modificação no sistema operacional OS X que permite a sua instalação em computadores comuns. Nesta matéria, acompanhe um passo a passo completo ensinando você a montar e instalar seu Hackintosh.

Não existe uma lista de componentes de hardware que funcionam com garantia pelo OS X. No entanto, quanto mais próximo chegarmos do hardware utilizado pelos computadores Mac reais, maiores as chances. Confira agora algumas dicas para saber se seu hardware é o ideal para montar um Hackintosh.

Meu Hardware é o Ideal?

tonymac_hardware_guide
Guia de Compra de Hardware tonymacx86

O site tonymacx86 é sem dúvida uma das maiores comunidades para quem quer montar um Hackintosh. Neste site, encontramos um guia de compra de hardware. Vamos utilizá-lo como referência para dar algumas dicas a você.

Processador: processadores Intel Core i3, i5 ou i7 são altamente recomendados. Se a geração do seu processador for Haswell ou anterior (4ª geração para trás), confira a lista aqui. Se você usa a 6ª Geração (SkyLake), instale o OS X El Capitan. E se você usa AMD, não se preocupe, também poderá instalar o Yosemite, pois vamos utilizar uma imagem de instalação modificada para permitir a instalação em processadores AMD.

Placa-mãe: Qualquer placa mãe recente com chipset Intel poderá funcionar. Testar é a melhor forma de saber. Aqui vai a lista de placas-mãe recomendadas pelo site tonymacx86. Placas com chipset AMD também funcionarão neste caso.

Placa de Vídeo: aqui vai uma lista de placas que funcionam nativamente, sem necessidade de qualquer modificação de drivers. Outras placas NVIDIA que não estão nessa lista vão precisar de instalação dos drivers de gráficos alternativos nVidia. Placas de vídeo integradas funcionam, mas somente a partir da HD2500 ou superior. Conexões VGA não funcionam, então se sua placa mãe não tiver saída DVI, você já pode desistir aqui ou adquirir alguma placa de vídeo offboard com saída DVI. Algumas placas AMD são suportadas.

Pelo menos 4GB de Memória RAM DDR3 é recomendada, e quanto maior a frequência, melhor. Tenha um HD de pelo menos 60GB. É óbvio que o sistema não ocupa esse espaço todo, mas você quer um lugar para armazenar seus arquivos e aplicativos, não quer?

Pré-Instalação

Baixe a imagem de instalação (torrent), o Transmac e o Multibeast. Arranje um pendrive de 8GB ou mais (DVD não serve). Recomendamos que você tenha um disco rígido separado somente para fazer a instalação, neste caso, vamos usar o disco onde o Windows está instalado mesmo. Futuramente este artigo será atualizado para dar suporte a instalação do Windows e do OS X no mesmo disco rígido.

transmac_formatdisk

1 – Espete o pendrive no computador. Após instalar o Transmac, execute-o como administrador, clique com botão direito no seu pendrive e clique em Format Disk for Mac.

2 – Após isso, clique novamente no pendrive com o botão direito, mas dessa vez clique em Restore with Disk Image, clique em yes e procure a imagem de instalação que você baixou. Aguarde pelo menos 20 minutos para que a gravação seja concluída. Se demorar mais de 30 minutos e ainda assim não concluir, reinicie o computador e tente novamente. Caso isso não resolva, tente outro pendrive e repita o passo 1.

3 – Agora que já gravou a imagem no pendrive, copie o Multibeast para dentro dele ou para outro dispositivo de armazenamento externo. O próximo passo é desligar a máquina e configurar sua BIOS. Para saber como configurar sua BIOS, clique aqui.

Boot e Instalação

Parabéns por chegar até aqui! Quanto mais longe você vai, maiores as chances de tudo dar certo. Esta parte do processo é importante, pois você precisa conseguir iniciar o pendrive e instalar o sistema no seu disco rígido.

chameleon_boot_screen

1 – Assim que o pendrive for iniciado, você vai ver a tela de boot do Chameleon Boot Loader. É aqui que você insere argumentos de boot para mudar o comportamento de inicialização do OS X. A primeira coisa que você vai fazer é digitar -v, para iniciar em verbose mode.

1.1 – Se seu processador for AMD, adicione também o argumento /amd. Caso ocorra algum erro quando você iniciar, você pode substituir o /amd por /amd1, /amd2, /amd64, /amd32 ou /amdfx. Se seu processador for Haswell, digite /haswell. Agora selecione o Yosemite Zone e dê Enter.

2 – Mensagens de diagnóstico vão aparecer a medida que o sistema for carregado. Se o processo ficar muito tempo parado em uma mensagem e o sistema não iniciar, houve um erro. Agora a única forma de resolver esse problema é tentar diferentes combinações de argumentos de boot.

3 – Clique aqui para ver os diferentes argumentos que você pode inserir para resolver seu problema. Se nada der certo, pesquise pela última mensagem que apareceu na Internet, assim você vai encontrar outras pessoas que também tiveram o mesmo erro que você, e possivelmente vai encontrar uma solução. Você também pode comentar neste artigo o seu erro e vamos tentar te ajudar.

installer_screen

4 – Assim que conseguir iniciar o instalador, você vai ver a tela de boas vindas! Se chegou até aqui, você já vai conseguir instalar o OS X na sua máquina. Escolha português do Brasil como idioma principal.

5 – Antes de mais nada, você precisa formatar seu disco rígido para instalar o sistema. Para isso, vá no menu superior em Utilitários e em Utilitário de Disco…. Daí selecione o disco onde vai instalar o Yosemite. Clique na aba Apagar.

6 – Formatar apaga todos os dados e partições do disco. Tenha certeza de que fez um backup. Em formato selecione Mac OS Expandido (Reg. Cronológico), dê um nome para seu disco e clique em Apagar… e apague.

7 – Feche o Utilitário de Disco. Agora continue com a instalação. Aceite tudo e selecione o disco que você formatou. Espere até a instalação ser concluída.

8 – Quando o computador reiniciar, dê o boot pelo pendrive novamente. Selecione o disco onde você instalou o OS X. Caso você tenha usado argumentos de boot (boot-flags) para iniciar o instalador antes, use-os novamente.

welcome_screen

9 – Assim que abrir a tela inicial, selecione Brasil como país. Depois escolha o padrão do seu teclado (geralmente ABNT2). Siga todos os passos, a única coisa especial que você deve fazer é marcar Não vou estabelecer uma conexão com a Internet.

10 – Assim que você terminar de iniciar o sistema, algumas notificações vão aparecer no canto superior direito com o título OS X Installer. Elas estão informando que alguns processos estão sendo realizados para otimizar seu Hackintosh. Você vai saber que elas vão concluir quando uma janela com o título Mac App Store Fix aparecer.

mac_appstore_fix

11 – Clique em Fix it, senão você não vai conseguir acessar a App Store mais tarde. Insira a senha que configurou para seu usuário. Logo após isso outra janela vai aparecer pedindo para você remover todas as interfaces de rede, mas isso não será necessário (lembra que você marcou antes que não queria acessar a internet?).

12 – Yay! Finalmente, você já pode reiniciar seu computador. Novamente dê o boot pelo pendrive e selecione o disco onde você instalou o OS X.

Pós-Instalação

Esta é uma parte que eu também gosto de chamar de pré-frustação (você já vai entender).

Então você instalou o OS X no PC? Parabéns! Mas ainda há muito o que fazer. Está na hora de testar seu hardware. Veja se a Internet está funcionando. Agora teste o som. Ah, e se até agora você não notou nada de anormal no vídeo, você é um felizardo. Agora é a hora de fazer o OS X conseguir se comunicar com seus componentes de hardware, sua placa de rede, som e vídeo.

1 – Lembra do Multibeast que você colocou no pendrive? Copie-o para a Mesa (Área de Trabalho no Mac), extraia e abra o aplicativo. Hora de se lembrar do seu hardware para escolher os drivers certos a serem instalados.

multibeast_quickstart

2 – Em Quick Start, selecione a opção DSDT Free.

3 – Em Drivers, instale cada kext correspondente ao seu hardware.

4 – Em Bootloaders, selecione o Chimera.

5 – Em Customize, há uma série de opções importantes para você conseguir iniciar o sistema. Confira um guia completo do Multibeast aqui. Futuramente este artigo será atualizado com o link para um guia completo em português.

6 – Quando tiver selecionado tudo, vá em Build e clique em Install. Insira sua senha e aguarde.

7 – Pronto! Ejete e retire o pendrive. Reinicie o computador e selecione seu disco rígido para dar boot. Se tudo der certo, você vai conseguir iniciar o OS X com todos os seus dispositivos funcionando.

Agora sim. Não se esqueça de baixar e instalar os drivers de gráficos alternativos nVidia se sua placa de vídeo não estiver na lista de placas que funcionam nativamente. Placas de vídeo integradas devem funcionar sem problemas. Mas caso você tenha problemas, pesquise na Internet como habilitar o seu modelo específico (futuramente vamos atualizar o artigo com tutoriais sobre isso).

Muito obrigado por conferir este artigo, vamos mantê-lo atualizado conforme novos artigos relacionados forem surgindo. Deixe suas perguntas, dúvidas, problemas e soluções nos comentários, não se esqueça que você é o principal contribuinte de conteúdo do nosso site!