COMPARTILHAR

A receita federal junto com serviços postais e telégrafos (correios) modernizou o sistema de entrada de mercadorias no Brasil. Uma dessas modificações é que agora o usuário pode pedir revisão de tributos caso não concorde com os valores praticados assim como também pagar os tributos dos seus objetos. Objetivo é facilitar, um exemplo uma vez que você paga o tributo direto no site assim como vamos mostrar logo abaixo, você não precisa ir até a agencia para pegar sua encomenda.

Cadastro

O primeiro passo é você fazer um cadastro no site dos correios, abra o site clicando aqui. Em seguida vá na aba Recebimento/Minhas Importações.

Na próxima janela aberta clique em “Minhas Importações”.

Na próxima janela aberta clique no banner “Minhas Importações”.

Nesse caso você ainda não possui um cadastro mais se tivesse bastava fazer o login. Nesse caso clique em “Cadastrar-se no idCorreios”.

Se você é pessoa física ou nesse caso (CPF) clique na opção Pessoa Física e clique em prosseguir.

Chegamos no passo final, preencha todos os dados solicitados, não erre nada, caso erre o sistema não vai concluir o cadastro. Feito tudo vá no seu e-mail (um e-mail foi mandado) e ative seu cadastro depois volte para a tela de login que vimos ainda apouco.

Verificação Do Código

Antes de você tentar pagar o boleto do imposto verifique seu código de rastreio e veja se ele foi verificado ou liberado, para ver isso basta ver o tramite do seu objeto, veja na imagem abaixo, note que ele deve ter a mensagem “fiscalização aduaneira finalizada”. Se essa mensagem aparece significa que seu objeto foi taxado e você precisa entrar para saber quanto foi cobrado assim como também ter as opções de pedir revisão do tributo como também pagar.

Fazendo Login

Cadastro feito volte em minhas importações e faça o login.



Verificação Do Tributo 

Agora copie e cole o código no local indicado na imagem abaixo, e clique em Pesquisar.

Observe atentamente os detalhes, veja as marcações de vermelho e a situação do objeto “aguardando pagamento”, veja ao lado o cifrão ele abre a guia de pagamento do tributo, veja também o ícone parecido com olho, clicando nele você baixa um PDF mostrado os detalhes do processo de tributação do seu produto, onde a receita alega como foi tributado sua encomenda. Nota as vezes mesmo se o objeto não chegou aqui no Brasil ele pode ser mostrado no sistema com a fase “aguardando chegada no Brasil”.

Ao lado do ícone do olho, tem o ícone com pontinhos clicando nele você pode recusar o objeto (muito importante nunca dê seu código para alguém note que nessa tela essa pessoa pode cancelar seu pedido e consequentemente seu produto pode voltar para o remetente) também é possível solicitar a revisão de tributo.

Clicando no ícone do cifrão uma tela será mostrada indicando os métodos possíveis para pagar seu imposto, ver todos os dados de entrega, agora é só pagar.

Pagamento

Dependendo da forma como você paga o status irá mudar automaticamente assim como mostrado na imagem abaixo. E depois do pagamento sua encomenda já sai da alfandega? Não! Depois do pegamento o processo corre normalmente assim como no antigo sistema, demorando assim entre 5 há 40 dias para serem entregues.

Pós Pagamento

Depois do Pagamento o sistema mostra essa mensagem “Acusamos o recebimento dos tributos e taxas relativas à encomenda LB1dhbdhss2SE que seguirá diretamente ao local indicado no endereço de Destinatário”. Agora é só aguardar.

Eventuais Casualidades 

E se depois do pagamento do imposto, seu produto estiver a caminho de sua região e for roubado ou como diz o correios “extraviado” “não foi localizado em nosso fluxo postal” como fica o reembolso do valor cobrado do imposto? No site dos correios não tem nada informando isso.

Documentação Pedente no Órgão Anuente

As vezes isso pode acontecer, mais tenha calma pode ser resolvido.

Nota: Esse pedido de documentação pela receita é na verdade uma alegação do órgão que sua encomenda não tem os documentos necessários para ser avaliado pela fiscalização. Veja a imagem abaixo.

Para solução desse problema sugerimos ver o vídeo abaixo ou clicar nesse artigo.

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta