Desde o seu anúncio muitos usuários entraram em pé de guerra com a Microsoft. Isso é devido o seu novo sistema não funcionar sem o TPM 2.0 e processadores da 8 geração em diante. Nesse artigo vamos mostrar que é possível instalar o sistema pulando os requisitos.

Note o exemplo abaixo de um notebook Dell o mesmo não passou nos requisitos de processador (4ª geração) e do chip de segurança TPM 2.0. Seguindo a proposta inicial do requerimentos necessários, esse computador abaixo não se enquadraria nos requisitos para instalar o novo sistema. Então o que fazer?

Foto: Sayro Digital/Reprodução

Instalando

Como já mencionamos o sistema (a ISO pode ser modificada para funcionar fora dos requisitos), sendo assim veja esse artigo e o vídeo abaixo para ver na prática como você pode instalar o sistema sem problemas. De acordo com um novo documento a Microsoft irá afrouxar os requisitos para OEMs (fabricantes de PC como a Dell, Lenovo etc). E ela mesmo (Microsoft) está trabalhando em uma nova mídia pra facilitar a instalação do Windows 11 aos novos usuários.

Em resumo mesmo se o processador não passar nos requisitos, além claro do TPM, fique tranquilo você poderá instalar o sistema sem problemas, a imagem acima prova isso, visto que é um Dell que não passou nos requisitos e está rodando Windows 11 de boa.

Segundo Vídeo.

Secure Boot, UEFI, e Processador!

Para que fique ainda melhor esclarecido, o usuário irá precisar ativar algumas funções na sua BIOS. Por exemplo um dos requisitos é ter habilitado na BIOS o modo de operação da placa mãe, ou seja, ela precisa estar operando como UEFI.

Outro requisito necessário é ter o secure boot ativado no seu PC, veja a imagem abaixo.

E por fim não esqueça, a tabela de partição do HD precisa estar em GPT (como alguns requisitos esse é outro ao qual não é tão necessário assim visto que na maioria das vezes o Windows já converte o disco, se não converter na instalação você precisará fazer isso usando essa dica do vídeo abaixo).

image

Alterando Registro da ISO

Após chegar na tela onde você escolhe a edição do Windows é bem possível que o erro abaixo seja exibido!

Se o mesmo aparecer pressione SHIFT+F10 para abrir o CMD, na tela seguinte digite sem aspas “regedit.exe” e pressione Enter.

Navegue pela chave HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\Setup clique com botão direito do mouse sobra a pasta Setup e crie uma nova chave.

Renomeia ela para LabConfig.



Agora crie duas chaves DWORD 32 BITS, uma você renomeia como BypassTPMCheck, crie outra DWORD 32 BITS e renomeia ela pra BypassSecureBootCheck. Por fim clique nessas DWORD e coloque em ambas o valor hexadecimal de 1 e clique em ok. Feche as janelas e volte para instalação. Na tela onde paramos clique para voltar escolha a versão do Windows e clique em continuar para prosseguir com a instalação! Note que esses comandos apenas fará com que a instalação do Windows 11 não exija o TPM 2.0 e Secure Boot, isso não quer dizer que o Secure Boot foi desativado ou que o TPM 2.0 (caso sua máquina possua) foi desativado.

Adicionando arquivo!

Baixe o arquivo no link abaixo, adicione ele no pen drive boot com Windows 11 pode ser na pasta support (caso queira poderá colocar o mesmo arquivo na ISO, no entanto, não ensinamos nesse artigo).

Foto: Sayro Digital/Reprodução

Download

TPM.REG

Com pen drive boot já máquina e com o arquivo .reg adicionado, você poderá continuar a instalação, se o erro abaixo for apresentado, pressione SHIFT+F10.

A janela do CMD será aberta, digite sem aspas “notepad.exe” e pressione Enter, assim o bloco de notas será aberto. Agora procure um arquivo que adicionamos, antes mude a forma como o bloco de notas ver os arquivos “Tipo” todos os arquivos (se você não mudar esse parâmetro você não vai encontrar o arquivo que procuramos).

Foto: Sayro Digital/Reprodução

 Depois clique com botão direito do mouse no arquivo tpm.reg e escolha Mesclar, em seguida pressione sim e ok.

Foto: Sayro Digital/Reprodução

Agora feche as janelas e volte para instalação do Windows 11. Clique na seta para voltar as edições do Windows (canto superior esquerdo).

Escolha adição do sistema e clique em avançar.

Foto: Sayro Digital/Reprodução

Agora o erro não será mais exibido! E você poderá instalar o Windows 11 sem erros. Note que esse arquivo é o mesmo ensinado no passo anterior desse tutorial, com isso o Secure Boot não será requisito assim como o TPM 2.0.