A Microsoft anunciou uma série de melhorias para o Windows 11. Parte dos recursos é voltado para o trabalho híbrido, como ferramentas para videochamadas e mudanças no Explorador de arquivos.

Começando pelo último, o Explorador foi redesenhado e agora permite que os usuários vejam “todos os arquivos em um local centralizado”. Portanto, será possível fixar arquivos e criar guias para manter os locais mais visitados em evidência.

Em um vídeo demonstrando a novidade, os usuários podem clicar com o botão direito sobre um arquivo e selecionar a opção “Adicionar aos Favoritos” para fixá-lo. Caso o usuário queira abrir várias abas do Explorador de uma vez, basta clicar sobre o ícone de adição no canto superior esquerdo.

Para a parte de videochamadas, a empresa traz enquadramento automático (que faz o foco automático quando o usuário se move), ferramentas para melhorar a voz e desfoque de fundo. Uma alteração chamada contato visual usa inteligência artificial para fazer as pessoas parecerem mais presentes nas reuniões.



Uma funcionalidade de legenda em tempo real também começou a ser testada para auxiliar pessoas com problemas auditivos ou que estão assistindo a alguma reunião em algum outro idioma. A tecnologia gera texto para qualquer conteúdo de áudio.

Por fim, na parte de segurança, a Microsoft está trazendo para Windows 11 duas novas ferramentas: o Microsoft Defender SmartScreen e o Smart App Control.

O primeiro detecta quando você estiver inserindo as informações de login da sua conta da Microsoft em um “aplicativo malicioso ou site invadido”, potencialmente protegendo você contra ataques de phishing.

Enquanto o segundo usa inteligência artificial para garantir que apenas aplicativos confiáveis possam ser executados no computador.

A Microsoft ainda não revelou quando todas as novidades estarão disponíveis para as versões públicas do Windows 11. No entanto, parece que isso vai acontecer em breve.