Os requisitos do Windows 11 causaram um sério debate no ano passado, com a gigante da tecnologia afirmando que os requisitos estão em vigor por motivos de segurança. A decisão da Microsoft irritou muitas pessoas que estavam ansiosas pelo Windows 11 e várias soluções alternativas foram descobertas para contornar os requisitos.

Mesmo que seu dispositivo não atenda aos requisitos, é possível forçar a instalação do sistema operacional em seu dispositivo. Na verdade, a Microsoft tem um hack de registro oficial para contornar as verificações de TPM e CPU no Assistente de Instalação e instalar o Windows 11 em qualquer hardware capaz de executar o Windows 10.

Na mesma documentação, a Microsoft alertou anteriormente que os dispositivos que não atendem aos requisitos não terão mais garantia de receber atualizações. Os funcionários da Microsoft também concluíram que não é “recomendado” a instalação forçada do Windows 11, pois os requisitos garantem melhor desempenho e segurança.

imagem: windowslatest

Se você já instalou o Windows 11 em dispositivos sem suporte, em breve poderá notar uma nova marca d’água na área de trabalho. A marca d’água, que aparece acima do relógio da barra de tarefas, é semelhante ao erro “O Windows não está ativado”, mas não afetará aplicativos, janelas ou navegadores da web.

imagem: windowslatest

A marca d’água da área de trabalho simplesmente declara “requisitos do sistema não atendidos” e pode irritar alguns usuários, mas não deve ser uma surpresa, pois a Microsoft já avisou os usuários sobre possíveis ‘danos’.



imagem: windowslatest

Como você pode ver na captura de tela acima, o alerta também aparecerá no aplicativo Configurações e lembrará aos usuários que seu dispositivo não é oficialmente suportado.

No momento, você encontrará esses alertas em dois lugares – área de trabalho e aplicativo Configurações. Até agora, essas notificações podem ser ignoradas com segurança e não afetam a experiência geral do usuário, pois a marca d’água é limitada apenas à área de trabalho ou à página de configurações.

Não há indicações de que a Microsoft esteja planejando exibir o alerta de “dispositivo não suportado” em cima de aplicativos abertos.

Também vale a pena notar que a empresa está testando A/B a nova marca d’água no Windows 11 Build 22557 e pode aparecer em compilações de produção com a atualização do Sun Valley 2.

Futuro de PCs com Windows 11 não suportados

Para os não versados, a Microsoft também implementou um pop-up que aparece durante a instalação do sistema operacional e informa aos usuários as desvantagens de instalar o Windows 11 em um PC que não atende às especificações mínimas.

imagem: windowslatest

O pop-up deixa claro que pode haver problemas de compatibilidade, ‘possíveis danos’ e outros problemas se você prosseguir com a instalação do Windows 11 em um PC sem suporte.

Além disso, a Microsoft confirmou que não oferecerá nenhuma garantia de atualizações de segurança regulares ou mesmo cruciais para dispositivos sem suporte.